Sargento Santana inicia 2020 como vice-presidente da Câmara de Canoas


Santana durante evento de prestação de contas de seu mandato, em dezembro (Foto: Filipe Abilio/Ascom Santana)





O vereador Sargento Santana (PTB) entra o ano de 2020 como vice-presidente da Câmara Municipal de Canoas. A eleição para a nova mesa diretora, que tem o vereador Patrício (PSD) como presidente,
 foi realizada no final de dezembro. 
Santana, que é bastante identificado com as questões de segurança pública e cidadania, agora vai estar ainda mais atuante junto aos assuntos relativos à área em Canoas. 
Como vice-presidente, terá um maior protagonismo nas decisões da Câmara Municipal, além das questões formais como a substituição do presidente em ocasiões especiais.


Santana termina o ano de 2019, seu terceiro ano do primeiro mandato, como um vereador popular e com trabalho voltado para a área de segurança e busca de melhores condições de emprego e renda para a cidade de Canoas. Sargento da reserva da Brigada Militar, passou mais de 25 anos atuando na área da segurança pública no município.
Esportista em várias modalidades, como artes marciais, atletismo, natação e futebol americano, Santana sempre abriu espaço para os praticantes de todos os esportes amadores em Canoas. Além disso, é presença constante nos debates, formais e informais, sobre segurança pública, emprego e saúde e Canoas.
Foi assim com as audiências públicas da segurança pública, do transporte coletivo, do financiamento da saúde e da situação do atendimento do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). 
Além da presença nas diversas atividades fora da Câmara de Vereadores, junto à comunidade, Santana também faz, a cada seis meses, um evento de prestação de contas para falar de seu mandato e de tudo o que foi feito. Especialmente a economia e o cuidado com o dinheiro público.
Em dezembro último, Santana reuniu mais de 700 pessoas na sede da Liga Canoense de Futebol Amador durante seu evento de prestação de contas.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Os trinta anos da internet como nós a conhecemos hoje

Humberto Martins sai de cena em verão 90

Três abordagens sobre Venezuela